03 Dicas que seu advogado gostaria que você soubesse se a sua mala extraviar e você queira sua indenização

Viajar é bom demais, porém, as vezes imprevistos ocorrem e o que era uma realização pode ser transformar em uma grande dor de cabeça! Não existe, ainda, uma forma garantida de não ter as bagagens extraviadas, mas, você pode receber sua indenização.

O problema é que nem sempre as companhias aéreas, cumprem a obrigação de indenizar aos consumidores, e algumas vezes a principal dificuldade é comprovar o conteúdo da bagagem, por isso antes de embarcar siga algumas dicas:

 

  1. Segue a regra do bom senso, se possível, evite colocar dinheiro em espécie na mala a ser despachada;
  2. Em caso de produtos eletrônicos, guarde o número de série, e as notas fiscais;
  3. Antes de embarcar, tire fotos do conteúdo das malas;

 

frogs-897981_1920

 

Para receber a indenização pelos objetos que estavam em uma mala extraviada, o ideal é que você possa provar o conteúdo, sob pena de ter seu pedido negado!

Mas, e se, você só leu este artigo agora, e a mala já está extraviada?

Neste caso, o seu advogado terá de encontrar formas alternativas de prova permitidas pelas leis brasileiras.

Como última alternativa, pode solicitar indenização específica para bens comuns, porque, de acordo com o novo código de processo civil, não necessitam de provas o que é notório, ou seja o que é óbvio. Assim, é notório que as malas contenham objetos de acordo com o viajante e o tipo de viagem, por exemplo é esperado que um atleta tenha um tênis na mala, ou que um viajante comum tenha roupas…

Aliás, esta foi a decisão do Tribunal de Justiça do Espírito Santo, no voto da ilustre relatora, DESª Eliana Junqueira Munhos Ferreira, que assim escreveu:

 

“Não é razoável exigir a juntada pelo passageiro das notas fiscais de todos os seus pertences, presumindo-se válida sua declaração sobre o conteúdo existente na bagagem quando proporcional à condição econômica do agente e compatível com as circunstâncias do caso concreto.”[1]

 

Portanto, siga as três dicas acima, que podem ajudar ao seu advogado caso sua bagagem seja extraviada, e caso isso ocorra, procure um advogado especializado de sua confiança.

Ainda com todos os problemas que podem ocorrer, viajar é isso, é sair do seu lugar e como dizem: VIAJAR É A ÚNICA COISA QUE VOCÊ COMPRA E TE DEIXA MAIS RICO!

Boas viagens!

[1] APELAÇÃO CÍVEL Nº 0021757-72.2010.8.08.0011

Deixe uma resposta